Muitas organizações estão começando a perceber que, apesar do investimento em treinamento em segurança de alimentos, implementação de sistemas e auditoria, algo ainda está faltando. Este “algo” é a avaliação da sua cultura de segurança de alimentos, que até agora tem sido muito difícil de medir.

Os sistemas baseados em comportamento para medir a segurança de alimentos complementam as verificações normais de sistemas e processos baseadas em riscos, pois oferecem informações sobre o que os funcionários realmente pensam e entendem sobre a segurança de alimentos.

Trabalhando com a Taylor Shannon International (TSI), líder da indústria na área de segurança de alimentos, gestão, educação e cultura organizacional, a BRCGS desenvolveu o BRCGS Excelência em Cultura de Segurança de Alimentos (ECSA), uma avaliação da cultura de segurança de alimentos, convertendo o que muitas vezes é um conceito amplo ou confuso numa pontuação e análise mensuráveis ​​que, se repetidas anualmente, fornecem uma base para comparar o sucesso dos investimentos e mudanças em curso.

A Excelência de Cultura de Segurança de Alimentos da BRCGS está estabelecendo novos padrões para a indústria alimentícia. A avaliação é uma solução única para medição, análise e melhoria da cultura organizacional.

Principais beneficios

 

O Módulo de Cultura de Segurança de Alimentos oferece muitos benefícios para fabricantes, especificadores e para a indústria em geral:

  • Determina os pontos fortes e fracos na capacidade de segurança de alimentos
  • Fornece informações reais sobre a opinião, atitude e comportamento da equipe
  • Fornece às empresas com vários sites uma ferramenta de benchmarking para comparar sites entre si
  • Revela a cultura “invisível” que vai além do dia da auditoria
  • Complementa o programa de auditoria existente com uma abordagem baseada no comportamento
  • Fortalece sua reputação por meio de uma abordagem proativa à cultura de segurança de alimentos
  • Oferece retorno significativo por um módulo de baixo custo e descomplicado
  • Mede o impacto do treinamento, dos sistemas e de outras iniciativas
  • Avalia o retorno do investimento do orçamento e identifica as metas mais importantes para alocação de recursos
  • Desenvolve a conscientização da cadeia de suprimentos e apoia parcerias entre especificadores de locais baseadas no aumento da confiança.